18 de abril de 2022

Surian Brandi

TRAINDO COM O MORENO PAUZUDO

Olá, vou usar pseudônimos para narrar a minha história. me chamo Mirela, tenho 21 anos cabelos loiros lisos e longos, seios pequenos e bumbum com 101cm que é avantajado para uma mulher baixinha de 1,51m.

Bom esse conto começa quando conheci um homem num aplicativo de encontros, estava eu procurando um homem para um sexo casual quando vejo aquela foto do moreno gostoso, um homem com 28 anos, por volta de 1,78 de altura, pele morena braços musculosos e cheios de tatuagem… era o Pedro.

No mesmo dia ele me chamou e conversamos muito, ficamos nessa de conversa umas 2 semanas, então um dia eu simplesmente decidi que naquela noite sairia com Pedro.

Falei para meu marido que iria pra faculdade, mas não fui, pedi para o Pedro me buscar na faculdade pra irmos direto pro motel porque só de falar com aquele moreno safado minha buceta ja ficava melada e fervendo de tanto tesão.

Pedro me pegou e fomos pro motel, chegando lá ele foi tomar uma ducha e eu fiquei no quarto tirei a roupa, por baixo estava com uma linda lingerie preta.

Pedro saiu do banho, o pau dele estava duríssimo, ele se aproximou me agarrou por trás cheirou meu pescoço me deu umas encoxadas e deitou na cama me puxando junto com ele segurou minha cabeça me deu um beijo bem melado e quente, me empurrou para baixo e disse com uma voz deliciosa para eu chupar aquele pau dele que estava pulsando de tanto tesão, eu como uma boa puta, chupei aquela rola grossa e grande com muita vontade, lambi todo aquele pauzão deixei bem babadinho e assim que ele viu que estava no ponto ele levantou rápido e me colocou de 4 puxou com firmeza aquela minha calcinha preta e simplesmente meteu aquela rola chocolate na minha bucetinha branquinha, nossa ele socava com muita vontade e gemia dizendo que era muito gostoso foder minha buceta, eu gemia de tesão nossa… eu nunca tinha sido traçada por uma pica tão grande e gostosa eu estava me sentindo preenchida de verdade e acabei gozando muito e bem gostoso e quente na rola dele, ele gemia tanto que aquilo me dava mais tesão, batia na minha bunda e dizia que eu não era qualquer puta e sim a putinha dele, que era a cachorra que ele sempre quis comer e continuava batendo na minha bunda e bombando na minha buceta que nessa hora já estava toda arregaçada, ele me virou e fez eu ficar de ladinho e continuava bombando demais, depois veio em cima de mim tipo papai e mamãe, eu abri bem as pernas e deixei que ele me fodesse com toda sua vontade, ele me mordia, suspirava e metia.

Então quando ele ia quase gozar pediu pra eu ficar de 4 de novo e meteu sem dó no meu rabão, nossa que metida, doeu, mas foi o melhor anal da minha vida eu estava pegando fogo e dizia para ele foder o meu cuzinho, que ele estava me machucando mas o tesão era tanto que eu não queria que ele parasse nessa hora eu gozei mas uma vez só que dessa vez pelo cú, então logo em seguida ele tirou do meu rabo e botou na bucetinha encaixou com força e lançou 3 jatos bem longos dentro de mim, quase não deu tempo de tanto tesão que ele sentiu em sentir meu gozo latejando no pau dele. Assim que gozou ele caiu cansado por cima de mim e disse ofegante “Nossa loira você é top mesmo, fez eu me acabar” eu retribuí o elogio com um sorriso safado.

Tomamos banho juntos e então transamos mais uma vez onde eu e ele gozamos novamente, nos vestimos e ele me levou de volta para a faculdade.

Cheguei em casa toda larguinha e com cara de vadia e meu marido nem percebeu que sua esposa foi fodida e chamada de puta por um moreno pauzudo.

Comentários

0 0 votos
Classificação
Se inscrever
Notificar de
0 Comentários
Feedbacks Inline
Ver todos os comentários